domingo, 21 de outubro de 2007

La Fregeneda - Barca d'Alva

Entre La Fregeneda e Barca d'Alva, ergue-se um dos mais belos trechos de via férrea do mundo. São 17 km de linha, desactivada em 1985, que inclui qualquer coisa como 20 túneis e 13 pontes. Um cenário digno dos mais fabulosos filmes de aventuras.

O passeio ao longo do que resta desta via é glorioso. Caminha-se entre penhascos sobrevoados por imponentes grifos. Atravessam-se pontes em ruína e túneis intermináveis, repletos de morcegos. Genial!

Foram milhares os trabalhadores que permitiram que em 1887 fosse inaugurada esta majestosa obra de engenharia. Uma obra que apesar de construída em Espanha foi planeada e executada por Portugal. Para lá de La Fregeneda, a linha prolongava-se até La Fuente de San Esteban, numa extensão total de 77 Km. Um projecto faraónico que, perfurando montanhas e unindo encostas, permitiria que as mercadorias provenientes de Espanha pudessem ser escoadas por mar, na cidade do Porto. Foi tal a empreitada que a banca portuense entrou em colapso. Eis algumas fotos da caminhada.

João Castanheira

11 comentários:

Anónimo disse...

O PERCURSO É FANTÁSTICO DIGNO DE UM WESTERN AMERICANO. EU E UM GRUPO DE AMIGOS ESTÁVAMOS INTERESSADOS DE O FAZER. sE FOSSE POSSÍVEL TER ALGUMAS INFORMAÇÕES OU CONSELHOS AGRADECIA.
ABRAÇO.

Anónimo disse...

Aconselho-o vivamente a fazer o percurso com bom tempo, uma vez que existem pontes em muito mau estado e todo o cuidado é pouco. É importante também que ninguém do grupo sofra de vertigens.

João Castanheira disse...

As minhas desculpas por só agora responder. O passeio é glorioso mas deve ser feito com os devidos cuidados. Como é referido no comentário anterior deve ser planeado para um dia de bom tempo, sem chuva. São necessárias lanternas, pois em alguns dos túneis a escuridão é total. Os pontos onde é necessária mais atenção são a ponte n.º 3 (Pollo Valente) e a ponte a seguir ao túnel n.º 12 (Arroyo del Lugar), que é a maior de todas. Aí, há que fazer a travessia usando uma estreita passadeira metálica lateral e o corrimão como apoio. O percurso entre La Fregeneda e Barca d'Alva pode demorar 4 a 5 horas. É genial!

Anónimo disse...

Já fiz esta caminhada duas vezes:
5/6/2004 e 28/7/2007.
A proxima será para iniciar a meio da tarde e à noite acampar junto ao rio Águeda.
É deslumbrante e gostaria de ser informado das iniciativas que se venham a realizar neste âmbito.
Adoro a temátiva ferroviária e tambem já fiz Barca D'alva / Pocinho.
Avisem-me.
Cumptrs.
Alberto Tavares
(Tesoureiro Junta de Freguesia de Santa maria da Feira)
E-mail: albertotavares@clix.pt

Anónimo disse...

Muito boa a ideia de começar a caminhada à tarde e acampar junto ao rio. Ideal para quando os dias começarem a ficar mais longos.

SudEx disse...

Em Espanha não se faz barragens pra submergir linhas, nem ecopistas para "fomentar o Turismo"... Mas deixa-se ir apodrecendo... O que será melhor?

A ver vamos, com a reabertura de Pocinho-Barca d'Alva, qual será o futuro deste trajecto, que também já tive a sorte de poder conhecer a pé.

DN
www.ocomboio.net
www.LinhadoTua.net

Antonio disse...

Bom dia,

Vou fazer o percurso La Fregeneda - Barca d'Alva a 16 de Agosto. Alguém interessado na caminhada?

Um abraço,
António Martins

aalmartins332@gmail.com

Anónimo disse...

Este passeio é delicioso e cheios de lugares e vivências incríveis. Fi-lo em 2005, salvo erro, e foi de fregeneda até ao Pocinho. 57 kms em dia e meio, em pleno Agosto, e com tenda de campismo, comidas e roupa às costas. Muito bom! :)

Conselhos:
- Faça este caminho sem nada às costas a não ser uma pequena mochila com uma garrafa de água e um pacote de bolachas (por exemplo), isto para que o peso da mochila não desequilibre ninguém na travessia das pontes. (Existem passadiços de madeira nas pontes, mas devido ao péssimo estado deles, optamos sempre por atravessar as pontes pelas pranchas de ferro, conforme se pode ver numa das fotos aqui posta.);
- Levem lanternas para os túneis, sendo que só será verdadeiramente necessária em 2 ou 3 deles.
- Botas de montanhismo ou sapatilhas com solas de borracha e resistentes pois como em todas as linhas, há montes de cascalho e pedras por lá.

E para os que gostam de saber mais, fica aqui um pouco da história desta linha, que ainda hoje é considerada um dos grandes feitos de engenharia da península ibérica, devido ao grande número de pontes e túneis feitos em tão poucos kms.
Estes 17 kms, embora em Espanha, foram completamente pagos pelo Banco do Porto, na tentativa de não atrasar o Porto em relação a Lisboa, visto Lisboa já ter uma ligação ferroviária para Madrid. Daí ter sido gasta uma larga quantia em dinheiro para este trecho. A linha foi um sucesso e serviu o intuito com que foi feita.

Eu decidi fazer da viagem toda uma grande experiência, por isso fomos de comboio do Porto até o Pocinho (viagem de comboio fabulosa, vistas fantásticas), onde apanhamos um autocarro pra Barca D'Alva. Aí acampamos num jardim público em frente ao rio (ninguém nos disse nada! Lol!) e combinamos com um dono dum café de lá ele fazer serviço de táxi até Fregeneda às 6 da manhã (era Agosto e queriamos fugir ao calor do meio dia). Deixamos os sacos no café dele e fizemos este trecho a pé de volta a Barca D'Alva. Aí passamos a tarde na esplanada e às 6 da tarde arrancamos para o Pocinho. Fizemos 10 kms, acampamos numa estação que tem uma praia fluvial e uma nascente de água potável e passsamos lá a noite. No dia seguinte acordamos bastante cedo novamente e perto da uma da tarde estavamos a chegar ao Pocinho onde apanhamos o comboio de volta! Foi um fim de semana em grande que recomendo a todos.

Último realce: Logo depois do primeiro túnel à saída de Fregeneda, encontramo-nos num lado duma montanha. Lá em baixo acompanhamos o "nascimento" e "crescimento" do rio Águeda até ele desaguar no Douro já em Barca D'Alva, e na outra margem do rio é Portugal, ou seja, temos sempre Portugal à vista, para aqueles que possam ser mais saudosos! Lol! :)

Último aviso: Não levem crianças, pois a travessia é mesmo perigosa, tendo por exemplo, uma das pontes mais de 100 mts de comprimentos e 60 mts de altura. Imaginem fazer isso naquelas pranchas de ferro onde cabem pouco mais de 2 pés em largura!

Have fun!

Ass: Miguel Craveiro - Santa Maria da Feira

Anónimo disse...

Já fiz este percurso por duas vezes.Uma em 2004 e 0utra em 2008.
Gostaria de fazer mais uma vez Fregeneda/Barca D'alva mas do seguinte modo.Começar a caminhada a meio da tarde e acampar +/- a meio e prosseguir no dia seguinte.
Voluntários. Precisa-se.
Gostava de conhecer: Miguel Craveiro
Alberto Tavares
Santa Maria da Feira

Anónimo disse...

Anonimo:
Irei fazer esse percurso dia 22 de Agosto 2009.

Estamos precisamente a pensar "acampar" pelo caminho com uma grade de minis :)

Precisava de mais informações sobre transporte de Aveiro até ao local de partida pedonal(Espanha)
Somos um grupo de 5 confirmados (aguardo mais voluntarios).

Obrigado
Goahead

Anónimo disse...

Viva. Alguem está interessado em fazer o percurso na semana de 16 a 20 de Agosto de 2010? Sou do Porto e vou passar essa samana em Macedo de Cavaleiros. Há voluntários? EDUARDO - 917293831. Um abraço.